Postado em 02 de Outubro de 2019 às 18h58

Outubro Rosa: atenção e cuidado com a saúde

Datas Comemorativas (31)Saúde (81)
O câncer de mama é o tipo da doença mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, correspondendo a cerca de 29% dos casos novos a cada ano no país. Causada pela multiplicação desordenada de células da mama, esse processo gera células anormais que se multiplicam, formando um tumor. Há vários tipos de…

O câncer de mama é o tipo da doença mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, correspondendo a cerca de 29% dos casos novos a cada ano no país. Causada pela multiplicação desordenada de células da mama, esse processo gera células anormais que se multiplicam, formando um tumor.
Há vários tipos de câncer de mama. Por isso, a doença pode evoluir de diferentes formas. Alguns tipos têm desenvolvimento rápido, enquanto outros crescem mais lentamente.
Segundo a mastologista, Estela Regina Eidt, o câncer de mama não tem uma causa única, ele é multifatorial, por isso a dificuldade de existir uma prevenção primária eficaz. Os principais fatores de risco para se desenvolver câncer de mama é a idade, menstruação antes dos 12 anos, menopausa tardia após os 55 anos, primeira gravidez após os 30 anos, não ter filhos (nuliparidade) e reposição hormonal pós-menopausa.
Além disso, existem fatores comportamentais/ambientais, como a ingestão de bebida alcoólica, sobrepeso, obesidade pós-menopausa e tabagismo, assim como fatores genéticos/hereditários que podem ocasionar o desenvolvimento da doença.

Uma vida saudável previne a doença
?Últimos estudos demonstram que cerca de 30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados, com adoção de hábitos saudáveis, como praticar atividade física, alimentar-se de forma saudável, manter o peso corporal e evitar o consumo de bebidas alcoólicas, além de fazer os exames de rotina?, explica a médica.
Realizar exames de rotina, mamografia (considerada padrão ouro para rastreamento do câncer de mama), ultrassom de mamas e a ressonância de mamas são considerados exames de complemento. O autoexame regularmente também auxilia na identificação de anormalidades do peito e pode ser feito pela mulher durante o banho.
?Ter uma vida equilibrada, ser feliz e evitar o estresse são dicas fundamentais que aprendi depois de 20 anos fazendo mastologia. Posso assegurar que ajudam na prevenção do câncer de mama?.
Estela também salienta que ter um sono de qualidade auxilia na prevenção, pois ele renova as energias, diminuindo o estresse do dia a dia e minimizando a chance de formar células que possam desencadear um câncer.
__________________________________________________________________

EKO’7

Veja também

Melatonina e o sono11/02/20 Conhecida como o hormônio do sono, a melatonina é a responsável por ajustar nosso relógio biológico e direcionar as atividades do nosso corpo para o momento de descansar ou se manter ativo. Há 60 anos são realizadas pesquisas constantes a respeito desse hormônio, que também apresenta influências na saciedade alimentar, no humor e até em hormônios sexuais, já que age em todos os sistemas do nosso corpo. Produzida......
Brotoeja e micose: doenças da coceira05/09/17 Brotoeja e micose são comuns nos meses mais quentes do ano. As duas são doenças de pele, porém causadas por motivos e com tratamentos diferentes. Um sintoma em comum é a coceira. Para a dermatologista, Luciane Cela, isso ocorre pois ambas provocam um processo......
JUNHO VERMELHO: DOE SANGUE E SALVE VIDAS04/06/20 Um gesto explícito de solidariedade! A doação de sangue mesmo que em pequena quantidade pode realmente salvar a vida de pessoas que se submetem à procedimentos ou intervenções médicas, ou ainda tratamentos que......

Voltar para Blog

categorias-noticias