Postado em 18 de Março às 13h12

DIA MUNDIAL DA ÁGUA: apenas 83,7% dos brasileiros têm acesso à água tratada

Datas Comemorativas (29)

Na próxima segunda-feira, dia 22, comemoramos o Dia Mundial da Água, embora seja um insumo considerado básico e essencial, nem todos os brasileiros são abastecidos com água potável. De acordo com pesquisa feita em 2019, pelo Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), cerca de 35 milhões de brasileiros não tem acesso ao insumo tratado, ou seja, somente 83,7% dos habitantes do país consomem à água da forma adequada.

O estudo "Pobreza na Infância", feito em 2018 pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) mostrou que 14,3% das crianças e adolescentes não tem acesso à água, e 6,8% não tem sequer sistema de água em suas casas. Embora 7,5% de crianças e adolescentes brasileiros tenham acesso à água, o insumo não é apto para consumo da forma apropriada, filtrado ou de fonte segura.

Quando se trata do fornecimento correto entre as regiões do Brasil, de acordo com o SNIS, o Sudeste fica com o primeiro lugar, onde 91,1% dos habitantes tem água tratada. Na sequência aparece o Sul, com 90,5%; logo abaixo o Centro-Oeste, com 89,7%; em penúltimo a região do Nordeste, com 73,9%; e por último, o Norte, onde somente 57,5% da população é abastecida com água tratada.

Existem perdas na distribuição de água potável?

No momento da distribuição os sistemas perdem uma média nacional que chega a 39,2%, conforme o SNIS. O montante perdido representa 7,1 mil piscinas de água potável perdidas todos os dias, é o que diz o estudo "Perdas de Água: Desafios à Disponibilidade Hídrica e Necessidade de Avanço na Eficiência do Saneamento 2020", do Instituto Trata Brasil.

O SNIS fez a divisão de percas por região, ao observar percebe-se que o local que menos fornece água potável para a população, é também o que mais apresenta perca. Confira abaixo a quantidade perdida por região:

  • A perda de água potável no Norte é de 55,2%;
  • O Nordeste 45,7% são perdidos antes mesmo de chegar às residências;
  • Em terceiro lugar, o Sul do país apresenta 37,5% de perdas;
  • No Sudeste, 36,31% da água é perdida;
  • Para finalizar, o Centro-Oeste é o que tem menos perda, com 34,4%.



Qual é o consumo médio do insumo entre os brasileiros?


A mesma pesquisa feita pelo SNIS, aposta que o consumo médio no país é de 153,9 litros por habitante ao dia, acima do indicado pela Organização das Nações Unidas (ONU), que afirma ser suficiente 110 litros/dia de água para as necessidades básicas de uma pessoa. 

  • EkoSaúde - Informação que promove saúde, bem-estar e qualidade de vida -

Veja também

Dia Internacional da Mulher - 4 inspirações brasileiras08/03/19 No dia 08 de março, o mundo celebra o Dia Internacional da Mulher. A data relembra as milhares de mulheres que lutam no dia-a-dia para um mundo com mais igualdade e melhor. O dia foi escolhido também em memória a centenas de operárias que foram trancadas em uma fábrica e morreram em um incêndio criminoso.…...
Outubro Rosa: atenção e cuidado com a saúde02/10/19 O câncer de mama é o tipo da doença mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, correspondendo a cerca de 29% dos casos novos a cada ano no país. Causada pela multiplicação desordenada de células da mama, esse processo gera células anormais que se......
Outubro Rosa: muito além de uma campanha26/10/17 Estamos no mês de outubro, e você provavelmente já viu em muitos lugares a campanha chamada Outubro Rosa. Muitas empresas e instituições aderem a esse movimento, que é simbolizado por um laço de cor rosa representando, mundialmente, a luta contra o câncer de......

Voltar para Blog

categorias-noticias