Postado em 17 de Maio de 2019 às 17h31

Dormir bem é questão de saúde

Sono (58)Saúde (82)
Uma noite mal dormida pode afetar as respostas imunológicas do organismo O sono desempenha papel restaurador no organismo. Partindo dessa premissa, é possível reconhecer que dormir bem tem relações diretamente associadas ao bom funcionamento do nosso sistema imunológico. Muita energia é gasta para que a manutenção das células que compõem as defesas do corpo permaneça em…

Uma noite mal dormida pode afetar as respostas imunológicas do organismo

O sono desempenha papel restaurador no organismo. Partindo dessa premissa, é possível reconhecer que dormir bem tem relações diretamente associadas ao bom funcionamento do nosso sistema imunológico. Muita energia é gasta para que a manutenção das células que compõem as defesas do corpo permaneça em equilíbrio. Dormir pouco ou mal aumenta a liberação de cortisol, hormônio relacionado ao estresse e que pode comprometer a imunidade.

A relação das respostas imunológicas ligadas ao sono é considerada uma vertente de pesquisa recente. Diversos estudos científicos têm buscado compreender de que forma doenças se manifestam e/ou se agravam devido a noites mal dormidas. ?Existem estudos que ligam a questão da insônia com o aumento de chances de doenças oncológicas, como o câncer. Há uma maior incidência desse problema em indivíduos que tem dificuldade para dormir. Ou seja, o sono ruim de alguma forma pode ajudar a aumentar as células malignas?, explica o neurologista e especialista em medicina do sono, Auney de Oliveira Couto.

Além disso, dormir mal pode aumentar o risco de inflamação e infecção. Doenças como artrite reumatoide e psoríase, por exemplo, tem suas manifestações agravadas pela falta de qualidade de sono.  ?Na neurologia, uma coisa bastante patente é a relação de piora ou aumento de surtos inflamatórios na doença autoimune chamada esclerose múltipla. Geralmente esse paciente apresenta uma patologia do sono relacionada, seja com o aumento de fragmentação do sono, apneia ou síndrome das pernas inquietas. E essa condição leva o indivíduo a ter um agravo da sua doença?, acrescenta Dr. Auney.

O regime de privação do sono está entrelaçado ao modo de vida atual. A rotina acelerada faz com que as pessoas atribuam o cansaço a diversos fatores, sem reconhecer que podem não estar tendo um sono que seja de fato restaurador. Dormir à noite toda não representa necessariamente uma noite bem dormida. É preciso estar atento e identificar sintomas no dia-a-dia, afinal, uma boa noite de sono é aquela em que se acorda descansado, sem sonolência, com boa memória e concentração.

Veja também

Sonho ou pesadelo?23/12/19 Estamos dormindo cada vez menos. Essa privação de sono reduz o vigor físico, compromete a produtividade, a memória e o sistema imunológico e aumenta a chance de irritabilidade. Além disso, pode vir a causar distúrbios e pesadelos. Com certeza você já deve ter sonhado que estava caindo, ou sendo perseguido, ou se afogando. São sonhos…...
Você sabe quantas horas precisa dormir?16/09/19 Você sabia que as pessoas passam um terço de suas vidas dormindo? Todo esse tempo em repouso faz parte de uma necessidade especial do nosso corpo, assim como sentir sede e fome. O sono funciona como um elemento reparador do nosso corpo. Enquanto estamos......
Ondas de choque aliviam dores musculares01/08/19 Aplicado com um moderno aparelho que emite ondas de choque acústicas que se propagam pelo tecido até a região dolorida, o tratamento por ondas de choque é reconhecido por apresentar importantes resultados em pacientes com problemas como tendinites que não......

Voltar para Blog

categorias-noticias