Postado em 21 de Maio às 09h17

Cansaço fora do normal? Doenças podem causar essa sensação

Saúde (72)

Costumamos associar o cansaço com o excesso de trabalho, de tarefas domésticas, de atividades físicas ou até mesmo com uma noite mal dormida. Porém, quando essa sensação de fadiga persiste por vários dias consecutivos, pode ser um indicativo de que seu organismo não está muito bem.
Quando isso acontece, é um sinal do surgimento de doenças subjacentes, ou seja, carências nutricionais, desequilíbrios hormonais, infecções e doenças autoimunes.
A lista de problemas causados pelo esgotamento é numerosa. De acordo com o Instituto Americano do Estresse, é difícil pensar em qualquer doença que não possa ser agravada, qualquer parte do corpo que não possa ser afetada pelo cansaço extremo.
Entre as principais doenças que causam essa sensação de cansaço fora do normal e que se deve prestar atenção, estão:
1. Anemia: a anemia não é uma doença tão grave, a menos que você não a trate logo. Junto com o cansaço costumam acontecer sonolência e desânimo também. Por isso é importante que você procure um médico, uma vez que as anemias mais graves podem levar ao desenvolvimento de outras doenças.
2. Diabetes: como a glicose não chega corretamente a toda as células, é comum que os diabéticos sofram com a falta de energia. Outros sintomas são o excesso de idas ao banheiro e sede insaciável, o que leva ao emagrecimento e, consequentemente, a diminuição dos músculos. Bem como a anemia, a diabetes até pode passar despercebida por um tempo, mas pode se tornar uma doença grave e crônica se não for tratada.
3. Hipotireoidismo: trata-se de uma disfunção da produção de hormônios da tireoide, atingindo principalmente mulheres idosas. Os sintomas envolvem ganho de peso, intolerância ao frio, queda de cabelo, retenção de líquido, constipação, unhas quebradiças, sonolência e cansaço. A doença é controlável com medicamentos de reposição hormonal.
4. Fibromialgia: é uma enfermidade que causa dor e fraqueza muscular generalizada. Além desses sintomas, ela causa fadiga intensa.

Mas a sensação de cansaço extremo não afeta só o físico. Ela também afeta o emocional, podendo originar casos de depressão. Quando isso acontece, é importante verificar as mudanças do cotidiano, no comportamento, nas emoções e, principalmente buscar ajuda médica, assim como nos casos de cansaço físico.
Pequenas mudanças no estilo de vida podem vir a colaborar na prevenção do surgimento dessa sensação, tais como a prática de exercícios físicos, além da mudança nos hábitos alimentares, incluindo refeições mais saudáveis no seu dia a dia.
 

  • EkoSaúde - Informação que promove saúde, bem-estar e qualidade de vida -

Veja também

Celular: um inimigo para a nossa saúde?11/12/18 O celular faz parte da nossa rotina. Ao acordar e começar as atividades do dia, ele nos faz companhia, nos atualizando das notícias do mundo e dos amigos, através das redes sociais e dos sites de notícias. O pequeno aparelho oferece tudo o que precisamos, com apenas um toque é inegável refletir o quanto ele…...
Melatonina e o sono11/02 Conhecida como o hormônio do sono, a melatonina é a responsável por ajustar nosso relógio biológico e direcionar as atividades do nosso corpo para o momento de descansar ou se manter ativo. Há 60 anos são realizadas pesquisas constantes a respeito desse......
AIDS: diga sim à prevenção01/12/17 No dia 01 de dezembro é comemorado o Dia Mundial de Combate a Aids. Apesar de muitos avanços no tratamento e campanhas para combate e prevenção da doença, o aumento no número de casos é motivo de preocupação. O Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle......

Voltar para Blog

categorias-noticias