Postado em 09 de Abril às 13h29

Criar rotina para a quarentena auxilia no sono

Bem-Estar (63)Sono (47)

Muito já se discute sobre as mudanças que o COVID-19, ou Coronavírus, está causando na rotina das pessoas. É inegável pensar que a doença está transformando como trabalhamos, nos relacionamos com a família e também como nos comportamos. 

A rotina, que antes nos fazia sair de casa para trabalhar, para ir ao mercado regularmente ou para passear, já não é a mais aconselhável. Estamos passando mais tempo em casa, como medida protetiva, o que altera todo o funcionamento do nosso corpo.

Os horários para acordar e dormir são os mais tumultuados. Segundo especialistas, o aumento de ansiedade diante da pandemia está afetando grande parte da população, fazendo-as dormir mal. 

Por isso, apesar de estarmos passando por um momento que requer muita precaução, é importante priorizar a qualidade do sono para se manter saudável, pois quando dormimos bem, nosso corpo se imuniza com mais eficácia.

Neste caso, é sempre bom relembrar as principais dicas para estabelecer uma rotina saudável de sono, indicadas pela otorrinolaringologista, Dra. Amanda Costa. Confira:

1ª Dica: manter uma rotina de horário de sono
Conforme a otorrino, o corpo produz hormônios especiais para estimular o sono que devem ser produzidos conforme a rotina de cada um e também são regulados pela temperatura.

2ª Dica: não deixar as atividades físicas de lado
A melatonina é um hormônio que nos ajuda na regularização do sono e é produzido com o auxílio da luz solar, otimizado com a atividade física regular.

3ª Dica: ter bons hábitos alimentares
Importante lembrar que não é recomendado uma grande refeição, pois o sistema digestivo não deve se preocupar em digerir alimentos no momento do sono.

4ª Dica: criar um ambiente relaxante para dormir
O quarto deve ser um lugar onde as preocupações, irritações e aflições não podem entrar.

Além disso, é possível controlar a qualidade do sono através de aplicativos. Essas ferramentas são capazes de rastrear o padrão de sono do usuário por meio de sensores que detectam alguns parâmetros, como os ciclos do sono, a frequência cardíaca, a respiração e os movimentos corporais.

Os mais conhecidos são:

Sleep Cycle: o aplicativo analisa os movimentos usando o microfone e o acelerômetro do celular e produz dados sobre a qualidade do seu sono. Ao se deitar, basta ativá-lo e colocá-lo ao lado da cama.

Apple Watch: o aplicativo funciona em uma pulseira, que consegue monitorar os batimentos cardíacos, lembrar o usuário de tomar água durante o dia e também avaliar a qualidade do sono.

O que acha de tentar monitorar seu sono com um desses? Assim você vai saber o que precisa melhorar de hábito durante o dia para obter um sono de qualidade à noite, mesmo em tempo de pandemia.

Veja também

Cross Training: usando o corpo para perder calorias03/04/18 Uma modalidade esportiva que tem chamado atenção nos últimos anos é o Cross Training, um exercício funcional que trabalha a movimentação de todo o corpo e com resultados rápidos. Essa prática iniciou nos anos 2000, com os militares do exército estadunidense que eram convocados para as guerras no Oriente Médio. Como eles eram seu próprio…...
Musculação para o tratamento da Artrose27/11/19 A artrose piora progressivamente com o tempo, e não existe cura, mas os tratamentos podem retardar a progressão da doença. Segundo dados do Ministério da Saúde, a artrose atinge 15 milhões de pessoas no Brasil. Dados da Organização Mundial da Saúde apontam......
Como ter uma boa rotina de sono?22/08/19 Cada vez mais a rotina agitada ou a cobrança por mais produtividade no trabalho atrapalham o dormir. E todo mundo sabe que uma noite mal dormida tem reflexos negativos à saúde e também a rotina de trabalho. A falta de um sono reparador ou uma noite agitada......

Voltar para Blog

categorias-noticias