Postado em 19 de Fevereiro de 2020 às 17h02

Gordura da língua provoca apneia do sono

A Síndrome da Apnéia Obstrutiva do Sono (SAOS) é a obstrução das vias aéreas, que ocorre pela flacidez dos tecidos da garganta, impedindo a respiração por alguns segundos, várias vezes por noite. Esse problema pode trazer consequências físicas para o paciente, como hipertensão, arritmias cardíacas e AVCs.
De acordo com a fonoaudióloga, Daniela Vieira da Rocha, as características anatômicas de certos indivíduos podem predispor ao problema, que tende a piorar com o aumento da idade, pelo aumento da flacidez na musculatura da garganta e do peso e pelo acúmulo de gordura na região da faringe bem como na língua, que torna ainda mais difícil a passagem do ar.
Para comprovar que a gordura da língua pode provocar o problema, pesquisadores da Universidade da Pensilvânia realizaram estudos do sono e exames de ressonância magnética para medir como a perda de peso afeta as vias aéreas superiores dos pacientes.
O estudo contou com a participação de 67 pessoas obesas com apnéia obstrutiva do sono. Elas foram submetidas aos exames antes e depois de uma intervenção para perder 10% do peso corporal. O resultado mostrou que os sintomas da apnéia do sono melhoraram 30% após a perda de peso. Ao analisar o tamanho das estruturas das vias aéreas superiores dos pacientes, a equipe foi capaz de descobrir as mudanças que haviam levado à diminuição dos sintomas.
Além de diminuir a gordura da língua, a perda de peso dos pacientes também levou a uma redução no tamanho de um músculo da mandíbula que controla a mastigação e dos músculos de ambos os lados das vias respiratórias, o que também colaborou para o resultado.
Por isso, para prevenir ou reduzir o agravamento do problema, a pessoa precisa:
? Emagrecer, em caso de excesso de peso;
? Dormir de lado (um travesseiro especial pode ajudar);
? Evitar o uso de bebidas alcoólicas, calmantes, relaxantes musculares e cigarro algumas horas antes de dormir.

Além disso, praticar exercícios durante o dia e manter uma alimentação saudável, aliado com horários para dormir e acordar são essenciais para a qualidade de sono. Em todo caso, se o problema persistir, a procura médica especializada não deve ser dispensada.

Veja também

CINCO DICAS PARA COMBATER O TORCICOLO05/04 Possivelmente você já ouviu sobre torcicolo, aquele "mau jeito" que surge após uma noite de sono com postura inadequada, por excesso de esforço físico ou movimentos bruscos. Torcicolo é o nome à contração involuntária dos músculos do pescoço, que dificultam os movimentos da cabeça. Quem já passou pela dor, sabe......
NOVEMBRO AZUL: tudo começou em um pub06/11/20 Chegou a vez dos homens! No mês passado falamos sobre o câncer de mama, como prevenir e combater a doença. O Novembro Azul vem com o mesmo intuito, alertar sobre a importância do diagnóstico precoce e auxiliar no combate ao......
DIA NACIONAL DO LIVRO29/10/20Hábito de ler antes de dormir auxilia na qualidade do sono Não é novidade que o contato com telas antes de dormir pode prejudicar seu sono. Vivemos em um mundo cada vez mais tecnológico, é muito comum dar aquela espiadinha no celular antes de dormir, ou até mesmo assistir......

Voltar para Blog

categorias-noticias