Postado em 10 de Outubro de 2017 às 11h31

Por quê bocejamos?

Bem-Estar (62)
Ao ver alguém abrir a boca para bocejar, é inevitável que a ação se repita por você ou alguém que está por perto. Ao ler a palavra bocejo, neste instante, algumas pessoas podem estar de boca escancarada, praticando o ato de bocejar.  Mas, o que isso significa? Por quê sentimos essa imensa vontade de bocejar…

Ao ver alguém abrir a boca para bocejar, é inevitável que a ação se repita por você ou alguém que está por perto. Ao ler a palavra bocejo, neste instante, algumas pessoas podem estar de boca escancarada, praticando o ato de bocejar.  Mas, o que isso significa? Por quê sentimos essa imensa vontade de bocejar quando vemos o outro fazendo?

A psicóloga Thaíse Kunzler explica que o nosso corpo induz o bocejo para obter mais oxigênio e retirar o acúmulo de dióxido de carbono, resfriando o cérebro e aumentando a frequência cardíaca. Serve como um alerta que o corpo faz para despertar. Segundo a psicóloga, esse ato é considerado um dos comportamentos humanos mais esquisitos, justamente por ter essa característica de transmissão contagiosa. O médico neurologista e também criador da psicanálise, Sigmund Freud, observou que possuímos pouco controle sobre nossas ações, ou seja, na maior parte do tempo, somos irracionais.

Thaíse conta que a Universidade de Parma, na Itália, nomeou células inteligentes do nosso cérebro de neurônios-espelhos. Essas células se ativam quando experimentamos emoções. Algumas pesquisas apontam que o bocejo é causado por esses neurônios, presentes no córtex pré-frontal, que ao serem ativados criam modificações corporais, alterando a química do corpo e se propagando independentemente da nossa vontade.

Já a Universidade de Maryland, que fica nos Estados Unidos, considera que o bocejo está relacionado com comportamento empáticos, sociais e imitativos, e quanto maior a sensibilidade do córtex motor primário, maior a probabilidade de bocejar por contágio. A lógica de sobrevivência é o que faz ativar os neurônios espelhos para nos tornar mais aptos a desenvolvermos conexão e vínculo emocional.

Em resumo, existem várias respostas para o acontecimento do bocejo. Apesar disso, ele ainda continua sendo um mistério para muitos cientistas que estudam nosso cérebro. Uma coisa é certa, sempre que você ver alguém bocejar, como em passe de mágica, estará fazendo a mesma coisa. E você? Quantas vezes bocejou enquanto lia esse texto?

Veja também

Você respira da maneira correta?13/12/17 Respirar é uma função involuntária do corpo e que fazemos de forma automática, sem nos darmos conta de que está acontecendo. Mas você sabia que existe uma forma correta para respirar? E que existem exercícios de respiração que podem aliviar as tensões e estresses do dia a dia?         Além disso, quando respiramos…...
Colchão é tudo igual?17/04/20 A resposta é: Não!  Existem produtos que oferecem diferentes tipos de benefícios e os mesmos devem ser analisados e escolhidos conforme a necessidade de cada indivíduo. A dica primordial na hora de procurar um novo......
O Amor de Mãe11/05/18 Mulheres e mães. É para elas que o segundo domingo do mês de maio é dedicado. Seja ela mãe coruja, de primeira viagem, de segunda-terceira-quarta viagem ou perfeccionista. Existem, além dessas, tantos outros tipos de mães, mas o sentimento de amor pelos......

Voltar para Blog

categorias-noticias